1 de agosto de 2009

Literalmente louco

As coisas hoje ja não fazem tanta diferença
Para você ou para mim, tanto faz
As horas de conversas que tinhamos, morreram a algum tempo atrás
Sinto falta daquele tempo
Estraguei quando fui lhe dizer os meus sentimentos

Erro? Não sei
E tão de repente, me bate uma saudade
De ouvir sua voz
Sentir teus braços me tocarem
Apenas um abraço, sinceridades

Queria ter algumas respostas
Algumas palavras de alegria
São tantos os medos
as palavras escondidas em meu peito
Queria ter forças para fazer tudo do meu jeito
De todas as maneiras este nosso jeito me excita

A porta se fecha
Estou caminhando,
Debaixo de uma chuva acída
Que esta me matando.

3 comentários:

fffoxx disse...

iiiiiiih [2]

Fe; disse...

Que belo poema :)
Caio é poeteiro :D

Gill disse...

Realmente não é preciso dizer nada.
bate o/

Postar um comentário

 

Mente vazia a todo vapor 2010 | Layout por @vtkosq